Câmara aprova urgência do projeto que cria a Política Nacional de Manejo Integrado do Fogo

0

Após os últimos registros de incêndios em áreas de preservação no Brasil, a Câmara aprovou no dia 24 de agosto a urgência do projeto que cria a Política Nacional de Manejo Integrado do Fogo. O pedido, da deputada Rosa Neide (PT-MT), foi aprovado de forma simbólica, sem a contagem dos votos.

De acordo com matéria publicada pela Istoé Dinheiro, o projeto tenta unificar as ações do poder público contra incêndios florestais ao regulamentar o artigo 40 do Código Florestal. Ele determina que a política deverá ser implementada pela União, pelos Estados, pelo Distrito Federal, pelos Municípios, pela sociedade civil e pelas entidades privadas em regime de cooperação e em articulação entre si.

Um estudo inédito realizado pelo Mapbiomas, projeto integrado realizado por universidades, organizações ambientais e empresas de tecnologia, mostrou que todo ano, uma área maior que a Inglaterra pega fogo no Brasil. Nos últimos 36 anos, 150,9 mil quilômetros quadrados, em média, foram tragados pelo fogo. Se somada a área queimada desde 1985, o acumulado do período chega a praticamente um quinto do território nacional.

Deixe uma Resposta

Seu comentário aguarda moderação.