Videovigilância na floresta vai ajudar a prevenir incêndios

0

O Parque Serras do Porto, reserva florestal localizada nos municípios de Paredes, Valongo e Gondomar, em Portugal, vai passar pelo teste piloto de instalação de câmaras de vídeo e térmicas para monitorar, proteger e antecipar o impacto dos incêndios florestais.

O projeto, da responsabilidade da REN (Redes Energéticas Nacionais) e da Universidade de Coimbra, surge no âmbito do rePLANT, uma iniciativa nacional que reúne 20 entidades, 70 investigadores e técnicos especializados e que irá trazer novas tecnologias “para desenvolver as florestas portuguesas e torná-las mais seguras”.

Os sistemas de videovigilância serão colocados nos postes da REN para fornecer imagens em tempo real, com informações sobre a meteorologia e a vegetação através de colocação de sensores, que enviam uma comunicação para os sistemas de informação.03

Deixe uma Resposta

Seu comentário aguarda moderação.