Estudantes e servidores avaliarão condições de trabalho de profissionais da segurança pública

0

Com o objetivo de fazer o diagnóstico da segurança do trabalho e promover a valorização de profissionais, o projeto de extensão intitulado “Programa de Valorização de Segurança e Saúde Laboral da Segurança Pública: Minimização de riscos e adequação do ambiente do trabalho para melhoria na saúde dos servidores da Segurança Pública de Mato Grosso do Sul” inicia as atividades em fevereiro. A iniciativa tem foco nas condições de trabalho dos profissionais que atuam nos municípios da fronteira de Mato Grosso do Sul, como policiais civis e militares, bombeiros e peritos.

“É, justamente, para identificar os riscos que os profissionais enfrentam: podem ser físicos, químicos, biológicos, ergonômicos e de acidentes. Na parte psicológica, busca identificar as condições psicossociais, as doenças mentais, como estresse, depressão e síndromes. São as chamadas doenças ocupacionais”, explica a coordenadora e engenheira de Segurança do Trabalho da Pró-Reitoria de Administração e Infraestrutura (Proadi), Aline Garcia.

 

Convênio

 

A ação tem, ainda, a participação do professor da Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo e Geografia (Faeng), Daniel Anijar de Matos, e é realizada por convênio entre a Universidade, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul (Sejusp) e a Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura (Fapec). Os recursos são do Fundo Estadual de Segurança Pública.

O programa fará o prognóstico do estado emocional dos servidores por meio de uma bateria de testes, além de realizar exames e consultas de audiometria, oftalmologia e odontologia. “[O atendimento] será feito através de uma carreta que estamos contratando, que virá de Barretos para atender esses profissionais”, afirma Aline.

Com a carreta, o projeto de extensão estima atender cerca de 1,5 mil servidores da segurança de Mato Grosso do Sul. A coordenação pretende elaborar também o Programa de Gerenciamento de Riscos e o Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional, que visa a prevenção de acidentes e doenças ocupacionais nos trabalhadores.

A Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Esporte (Proece) divulgou o edital com o resultado do processo seletivo para bolsas de extensão. Os graduandos terão carga horária semanal de 20 horas.

Deixe uma Resposta

Seu comentário aguarda moderação.

VOCÊ GANHOU UM CUPOM DE DESCONTO!

Utilize o CUPOM CIPA10 e tenha 10% de Desconto na Assinatura de qualquer Plano da Revista Cipa & Incndio.

USAR MEU CUPOM CIPA10
* Promoção válida para pedidos realizados até o dia 31.05.2022. Essa promoção não é válida para quem já é assinante da revista e não é cumulativa com outras promoções.
close-link