Agência de Metrologia de Tocantins recebe equipamento de análise de produtos elétricos

0

Para aprimorar o trabalho de fiscalização da qualidade de cabos elétricos comercializados no Tocantins, o Sindicato da Indústria de Condutores Elétricos, Trefilação e Laminação de Metais Não-Ferrosos do Estado de São Paulo (Sindicel) doou à Agência de Metrologia, Avaliação da Conformidade, Inovação e Tecnologia do Estado do Tocantins (AEM-TO), órgão delegado do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), um Microhmímetro, equipamento que tem a função de efetuar a medida das resistências dos disjuntores, chaves, bobinas dos motores e de outros aparelhos, que permitirá vistoria apurada nos valores de resistência dos fios e cabos, segundo publicou o site tocantinense, Surgiu.

De acordo com o Sindicel, atualmente, no Brasil, cerca de 70% das 256 marcas existentes de cabos e fios elétricos oferecem produtos com resistência elétrica acima das especificações técnicas. E esses produtos irregulares podem trazer inúmeros problemas, especialmente acidentes com incêndios, segundo o sindicato. Produtos com resistência divergente do valor permitido pela legislação podem gerar comprometimento no funcionamento de aparelhos elétricos, aumento na conta de energia e superaquecimento dos fios que podem provocar as chamas, segundo Fernando Bononi, representante do Sindicel no evento.

Além da doação do Microhmímetro, o sindicato ofereceu capacitação para os técnicos da Agência de Metrologia com orientações teóricas e simulações práticas.

Deixe uma Resposta

Seu comentário aguarda moderação.